The Writer: Anelise

domingo, 13 de novembro de 2011
Sabe quando você tem aquela imaginação fértil? E essa imaginação te leva a criar outros mundos? E esses mundos, você acaba escrevendo-os?
Pois é, comigo é assim! Desde criança, sempre fui bem criativa e imaginativa. Culpa por eu ser sagitariana.
E como muitos já sabem, eu sou uma escritora, ou pelo menos me considero. Porém, nenhuma das minhas "aventuras" foi publicada ainda. Pretendo para um futuro não muito distante.
Contarei detalhadamente sobre cada uma, depois.
Isso de escrever na minha vida, foi tudo uma evolução. Comecei com "As Super Agentes", bem infantil.
E os números foram aumentando e a maturidade também. Mas, não quer dizer que cada um dos meus sete amados filhos(eu os chamo assim), evoluíram pela sua ordem de criação.
Eu escrevo todos ao mesmo tempo, intercalando. Então, foi uma coisa gradativa e para todos.
Devem estar se perguntando: SETE? DE ONDE VEM TANTA IDEIA?
O quê vocês poderiam esperar de mim? Eu tenho todos(ou quase todos) os fatores, na minha visão, para ser uma boa escritora:
Primeiro: O meu sangue Vaz. (Pero Vaz de Caminha, Luiz Vaz de Camões).
Segundo: Por ser de Sagitário, minha personalidade é criativa e sincera.
Terceiro: Eu não sou uma pessoa lá muito normal. Eu não bato bem das ideias.
Sem contar de tudo o que me rodeia, meus gostos, as pessoas e os lugares que conheci. Tudo isso se torna influência para se criar alguma coisa.
Contudo, existem dias que estou sem inspiração e sem vontade. Isso é verdade!
Nos outros, pego o meu caderno(o caderno do respectivo filho) e deixou minha mente e mãos falarem a mesma língua e se comunicarem.
E o fruto disso, são os meus mundos paralelos(outro nome) continuarem existindo e ganhando vida.
É isso o que eu faço! Apenas isso que eu faço.

0 comentários :